Maré Vermelha - Carlos Rocha

Título: Maré Vermelha
Autor: Carlos Rocha
Editora: Selo Multiversos
Onde encontrar: Smashwords

"Sim, há os Hiokar. Um clã novo, dissidente dos Mikril. Os Hiokar são verdadeiramente os piores, colocam o poder acima de tudo. Matariam colegas sem pensar para alcançar seus objetivos. Felizmente são poucos, e ficam em uma pequena ilha apenas. O líder, o duque dos mares, Hiokar é parente do imperador. Uma falta de herdeiros e movimentações políticas poderiam colocá-lo no trono. Seria uma desgraça."

Sinopse


Kyle e seus companheiros atravessam mares no navio, Estrela do Crepúsculo, com a ajuda do capitão Dacsiniano, An Lepard Baltimore. Durante a busca de salvação para Lacoresh, ameaçada pelas forças sombrias, enfrentam perigos nos arquipélagos sílficos.
Enquanto isso em Lacoresh, o conflito entre a nobreza corrupta e a resistência se acirra. Conhecemos o anti-herói, Calisto, possuidor dos temíveis Olhos Negros que parte numa jornada em busca de conhecimento e poder, mas seus caminhos se cruzam com membros chave da resistência. Deste choque, pode surgir uma nova esperança ou mesmo, ser selado um destino horrendo para o reino de Lacoresh.

O Livro

Maré Vermelha é o segundo livro da Trilogia do Novo Elo (o primeiro está resenhado aqui). Assim como o outro, esse só tem a versão digital, mas vale a pena a leitura. :D
No primeiro livro, os companheiros de viagem conheceram os Silfos de Shind, dessa vez eles vão passar um tempo com os Silfos do Mar. Diferente dos primos, os Silfos do Mar tem uma péssima reputação e são conhecidos por sua ganância e sede de poder. Durante o tempo que passam entre os Silfos, Kyle, Archibald, Kiorina e Gorum encontram muitas dificuldades, mas com ajuda do Dacsiniano, An Lepard e de companheiros que conheceram no primeiro livro, os amigos conseguem passar por todos os perigos.
Nesse segundo livro já é possível notar muitas mudanças nos personagens principais. 
Kyle aprendeu não só a ser um cavaleiro melhor, depois de tantas batalhas, mas também aprendeu a controlar alguns poderes mentais. Ele continua sem perceber os sentimentos que Kiorina nutre por ele, mas começa a sentir ciumes da ruiva com An Lepard. 
Archibald por sua vez, começa a ter dúvidas com relação a sua fé, principalmente quando descobre segredos sobre o seu passado e fica muito perturbado. 
Quanto a Kiorina, a ruiva começa a treinar mais magia e já está uma feiticeira muito melhor e mais experiente do que no primeiro livro. Ela ainda tem sentimentos por Kyle, mas dessa vez fica um pouco balançada por outro personagem.
Gorum continua imutável, mesmo com todos os problemas, o gigante não perde o bom humor. Graças a ele os outros não enlouquecem. rs
Outro personagem que ganha mais destaque no Maré Vermelha, é Calisto. Temido por ter os olhos do Eclipse, Calisto foi criado pelos Necromantes e finalmente ganha o mundo. Depois de passar toda a sua vida aprisionado, finalmente ele está preparado para sair e ajudar os Necromantes com seus planos terríveis. Mas Calisto não se deixa controlar tão fácil e pode trazer grandes surpresas.
Eu me mantenho sempre nesses personagens principais, mas o livro é cheeeeeio de outros personagens bacanas, como Noran, Mishtra e Modervash. Acontece que se eu for falar de todos, eu escrevo um outro livro. ^^
A cada novo livro, eu me apaixono ainda mais pela escrita de Carlos Rocha. Já estou imaginando terminar o último livro e ficar sem as aventuras dessa trilogia. rs
Sério, não deixem de ler. ;)

Comentários

  1. Olá!

    Não conhecia esse livro, mas pela sua resenha parece ser bom. Fiquei até com vontade de conferir!

    Beijos, Kamila
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniella Souza25 de julho de 2014 23:59
      Que bom que você gostou!
      Vale a pena ler. Essa trilogia é maravilhosa!^^

      Beijo

      Excluir
  2. De novo, muito obrigado pela resenha!

    ResponderExcluir

Postar um comentário